Broadway by Light

“Todas as noites, no centro de Nova York, um dia artificial nasce. Seu propósito é anunciar espetáculos, vender produtos, e os produtores desses anúncios ficariam surpresos em saber que o espetáculo mais fascinante, o produto mais precioso, é a própria rua transformada por estes anúncios”

Chris Marker, no prefácio do filme

 

O primeiro filme de Klein, realizado em 1958, nos apresenta um espetáculo de luzes e cores na Times Square, em Nova York. Broadway by Light explora os anúncios e propagandas captados pelo fotógrafo durante algumas noites em que passou na Great White Way. O resultado é um belo e hipnotizante relato de uma cidade ícone do capital e dos Estados Unidos. O curta-metragem é tido por alguns como um precoce clássico do Pop Art.

O importante fotógrafo e cineasta novaiorquino, havia lançado o seu livro Life is Good and Good for you in New York… pela editora francesa Editions du Seuil, dois anos antes. Com as críticas que falavam de um livro escuro, sombrio e anti-americano, decide: “Vou fazer algo que será bonito, em cor e que também falará sobre consumismo e comércio. Foi um esforço consciente para continuar com o discurso contra a América mas numa atmosfera meiga e colorida”

Willian Klein, além do seu notável e reconhecido trabalho no mundo da moda, possui uma numerosa produção no cinema. São mais de duas dezenas de filmes, longa metragens e documentários. Entre eles, os clássicos Muhammed Ali, The Gretest;  Who Are You, Polly Maggoo ? e Mr. Freedom.

curta / cor / 10 min / 1958 / França

 

Ficha técnica:

Diretor: William Klein

Produtor Executivo: A. Dauman

Edição: William Klein

Música: Maurice Le Roux

Texto: Chris Marker

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>